Onde ficar em estocolmo? O Hostel Generator, na minha opinião, está numa posição indefinida entre albergue e hotel. Tem o aspecto de hotel com serviços e preço de hostel, sendo uma mistura de hostel luxuoso e descolado. Os quartos em grupo tem preço de hostel mas a propriedade também oferece quartos individuais muito legais por preços um pouco mais salgados, porém ainda mais acessível que preço de hotel.

Presente em diversas cidades do mundo como Amsterdam, Barcelona, Berlim, Copenhagen, Dublin, Hamburgo, Londres, Roma, Estocolmo, Veneza e Paris, abrirá em Miami e Madrid num futuro próximo.

Minha experiência com o hostel foi em Estocolmo, onde a localização é ótima, no centro perto do burburinho porém numa rua bem tranquila. Tem um bar dentro que serve como restaurante e um bar balada acoplado ao hostel também. Com 8 andares e cerca de 20 quartos por andar, o hostel é significativamente grande e a rotatividade é incrível – a recepção raramente fica vazia.

Gostou? Veja as melhores tarifas do hotel aqui.

Eles oferecem programações todos os dias, como pubcrawls, desconto no bar se apresentar o cartão do quarto, esse tipo de coisa. O café da manhã era pago à parte e por ser em Estocolmo, os preços não eram muito amigáveis, por mais que seja um hostel (que tem a intenção de baratear a viagem).

Acho que o mais recomendável é hospedar-se no generator em cidades mais caras, onde ficar em hotel é bem custoso, mas que você ainda quer um lugar legal para curtir, tais como Amsterdam, Copenhagen, Londres e Paris, por exemplo.

Uma coisa que eu achei super legal foi o hostel ter uma sala de reuniões em Estocolmo, super diferente e toda trabalhada no design escandinavo. Também contava com lavanderia self-service, wi-fi gratuito, espaço para eventos, zonas de descanso… e todos os hosteis da linha tem dormitórios somente femininos, restaurante, bar, loja de viagem e recepção 24h.