Localizado na cidade de Viena, na Áustria, o Prater foi inaugurado em 1766 pelo Imperador Joseph II e mais que um parque, é também um parque de diversões. Um fato interessante é que você só paga pelos brinquedos que quiser ir, então se não gostar de brinquedos muito radicais e quiser apenas passear, é de graça!

Entrada do Plater

Roda Gigante

O destaque principal fica logo na sua entrada, com a roda gigante que foi construída em 1897. É uma atração muito conhecida em Viena e virou o símbolo do Prater. O que a difere das outras rodas gigantes que existem por aí é o fato de ela ter pego fogo no fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945. No incêndio, todas as 30 cabines foram destruídas fazendo com que o símbolo da cidade desaparecesse. Toda a cidade foi afetada durante a Guerra e os planos de restauração da Roda foram colocados em destaque e em 1947 ela já estava aberta ao público novamente, como continua até hoje.

 

Procurando acomodação em Viena? Confira os melhores preços da cidade aqui!

 Roda Gigante vista de dentro do Plater

O passeio é muito legal de se fazer, logo depois de comprar o ticket, que custa 9,5 euros para adultos e 4 euros para crianças entre 3 e 14 anos (criancas menores de 3 anos não pagam), há uma sala com as réplicas das cabines antigas e dentro de cada uma há um pedaço da história da Roda: sua construção, o incêndio, a restauração, tudo em miniatura para ser observado.

  Cabines contando a história da Roda Gigante

 

Parque Prater em VienaFoto: Miniatura dentro das cabines


A espera não é muito longa, visto que entram umas 10 pessoas por vez e a Roda possui diversas cabines. O passeio dura cerca de 15 minutos, vai bem devagar e chega a parar no topo. A vista de cima é muito bonita, é possível ver uma grande parte da cidade.Na hora de ir para a fila, é possível tirar uma foto para comprar ao final, onde você “entra” numa cabine (apenas a frente dela) e eles editam o fundo. Não sei quanto custa a foto pois escolhi não tirar, mas provavelmente não é um souvenir barato haha.

Jantar romântico nas cabines

É possível também reservar um jantar romântico dentro de uma das cabines, mas não sei quantas voltas estão inclusas no pacote – imagino que algumas visto que eles só podem trocar o prato quando ela chega ao térreo novamente.

Quando eu estava quase saindo do passeio, um casal entrou para o jantar na cabine da frente haha bem legal, mas não sei se gostaria pois é privacidade zero e todos os curiosos ficam encarando. Quando estava lá soube que muitos pedidos de casamento são feitos assim. No pôr do sol deve ser lindo mesmo!

 Vista da Roda Gigante

 Vista da Roda Gigante

Então, se você está com viagem marcada para Viena, não deixe de visitar o parque, ele é mais um motivo pra se animar e marcar a próxima aventura!