Está pensando em Vancouver como seu próximo destino? Então vem conhecer um pouquinho de Van City com quem morou na cidade e sabe exatamente quais são os lugares imperdíveis! Mas já vou avisando, você pode se apaixonar e não querer mais voltar. Foi exatamente o que aconteceu comigo, haha.

English Bay 

Stanley Park + Vancouver Aquarium

Este parque incrível, localizado na área do centro de Vancouver, já foi considerado pelo TripAdvisor como o melhor parque do mundo. Ou seja, imperdoável perder essa visita!

O parque possui muitas opções de lazer, tanto para moradores quanto para turistas, como espaço para fazer picnic, áreas verdes, espaço de lazer para crianças e o Seawall.

O Seawall, segundo o site da cidade, é a maior trilha à beira mar do mundo e percorre o perímetro do parque. As pessoas a utilizam principalmente para praticar esportes: caminhadas e corridas, andar de bicicleta ou skate. Você pode alugar uma bike em uma das lojinhas ao redor e dar uma volta para conhecer um pouco mais do parque.

 As luzes de natal do Stanley Park

Além de todas essas atrações, durante o final do ano, uma área do parque é completamente enfeitada com luzes de Natal e comidinhas típicas. Parte dessa área só pode ser vista pegando um mini tremzinho que passa pelo parque. O passeio é lindo e vale muito a pena. Só amor por esse lugar.

 Belugas sendo alimentadas no Vancouver Aquarium

Outro passeio que dá para fazer se você for no Stanley Park é visitar o aquário de Vancouver – que também fica dentro do parque. O aquário é um centro de pesquisa e preservação marinha, além de um centro de reabilitação para animais marinhos, então muitos dos animais foram resgatados, tratados e não tinham mais condições de serem soltos.

Os ingressos custam CAD$36,00 para adultos, CAD$27,00 para estudantes e idosos e CAD$21,00 para crianças entre 4 e 12 anos. Você pode comprá-los através do site.

English Bay + Davie street

Saindo do Stanley Park você já cai na praia mais famosa de Vancouver, a English Bay.
No final da praia encontra-se o monumento Inuksuk, símbolo de Vancouver, supostamente construído pelo povo indígena que habita a região e utilizado como ponto de referência. Além desse monumento, na frente da praia existe um conjunto de esculturas chinesas chamadas “A-Mazing Laughter”.

DICA: como o Seawall acompanha a beira da água, então você pode continuar caminhando ou andando de bicicleta desde o parque até a praia, parar um pouco e aproveitar o paisagem!

English Bay 

Se você quiser conhecer a rua onde os pontos de ônibus são rosa e as faixas de pedestre são um arco-íris, suba pela Davie Street e conheça a rua destinada a apoiar a comunidade gay, onde todos os estabelecimentos fazem questão de pendurar a bandeira, assim como nos postes. Amor, amor e amor!

 Não é muito amor essa Davie Street?

Granville Street + Vancouver Art Gallery

Na verdade, essa rua corta a cidade de Vancouver inteira, porém a área mais frequentada é a região do centro de Vancouver onde a Granville é cortada pela Robson Street. É uma rua movimentada pelo comércio de rua e lojas como Adidas, Old Navy, Urban Outfitters… Possui grande vida noturna devido às inúmeras baladas, uma do lado da outra.

Granville Street. Fonte: http://yourvancouverrealestate.ca/photos/2012/09/granville-street/

Aproveite para explorar um pouquinho mais do centro da cidade caminhando a pé pelas ruas. Da Granville você pode ir caminhando até a W Georgia Street e conhecer a galeria de arte de Vancouver.

*Os ingressos custam CAD$24,00 para adultos, CAD$18,00 para estudantes e idosos e CAD$6,50 para crianças entre 6 e 12 anos. Você pode visitar a galeria todos os dias da semana das 10am às 5pm, e nas terças fica aberto até as 9pm. É bom dar uma conferida no site para ver quais exposições estão rolando no momento.

DICA: essa região do centro de Vancouver é um ótimo lugar para se hospedar, pois vai facilitar muito o transporte para os pontos turísticos. Para procurar hotéis na região clique aqui!

Canada Place

É um complexo de estruturas situadas na Waterfront de Vancouver que inclui um porto para o embarque de cruzeiros que saem para o Alaska. O prédio em si inclui um hotel e um centro de convenções. Mas o mais legal dessa visita é o FlyOver, uma aventura em simulação 6D que percorre todo o terreno canadense explorando as paisagens e cidades. Eu fui incontáveis vezes, toda vez que recebia alguma visita eu ia de novo. Com isso, peguei alguns especiais de Natal e o Ano Novo chinês, e afirmo que vale muito a visita.

Os ingressos custam CAD$21,95 para adultos, CAD$18,95 para estudantes e idosos e CAD$14,95 para crianças. Se você comprar online pelo site tem um descontinho maneiro.

Canada Place visto do observatório panorâmico

Vancouver Look Out

Pertinho do Canada Place, encontra-se o Vancouver Look Out, um observatório panorâmico da cidade. Do observatório, você consegue ter uma vista 360 graus de Vancouver. Você observa a natureza do Stanley Park, o mar e as montanhas, mas também tem uma vista privilegiada da cidade. É um passeio muito legal para conhecer um pouco da história de Vancouver.

O ingresso custa CAD$17,50 para adultos e CAD$12,50 para estudantes, sendo que idosos e crianças também tem desconto.

 Cidade de Vancouver e um pedacinho do Stanley Park vistos do Vancouver Lookout

Tim Hortons

Como não dá para falar do Canada e não falar de Tim Hortons, ele tem que estar aqui, haha. Primeiro que você vai encontrar um a cada esquina, segundo que os cafés e donuts são muito bons!!!

Tim Hortons é uma espécie de Starbucks num preço muito mais acessível e, na minha opinião, com comida e cafés melhores. Ele faz tanta parte da vida dos canadenses que já faz parte da cultura. Se você resolver parar para um café, eu aconselho pedir um French Vanilla para tomar e um Boston Cream para comer.

+ Pesquisar hotéis para se hospedar em Vancouver!

 

Vancouver é minha cidade preferida e eu não consegui fazer caber todos os lugares incríveis dessa cidade em um post só! Então confere a parte 2 ou vai matando a vontade de morar por lá com o post Morando por aí: Vancouver.