Florianópolis, capital de Santa Catarina, é destino de milhares de turista por ano, especialmente nos meses mais quentes já que as 42 praias são a maior atração da ilha. No entanto, há diversos outros programas ao ar livre pra você curtir por aqui, e a gente te conta o que fazer em Floripa além das praias para você conseguir aproveitar tudo o que a capital tem para oferecer! 

Procurando acomodação em Floripa? Confira os melhores preços aqui.

1 – Beira mar Norte

A principal avenida da cidade, cujo nome oficial é Avenida Jornalista Rubens de Arruda Ramos, é responsável por muitos cartões postais e postagens no instagram. Ela se estende por 10km na região central da cidade, começando na parte inferior da Ponte Hercílio Luz, o famoso cartão postal de Floripa, e vai até o viaduto de acesso ao Norte da Ilha. O que poucos visitantes sabem é que antes dos anos 60, tudo era tomado pelo mar! A Avenida foi construída sobre um aterro na década de 1960 e ampliada em 1980, ganhando a estrutura que encontramos nos dias de hoje. 

As principais atrações são o trapiche e o imenso calçadão, que torna o lugar ideal para a prática de esportes. Mas não é só isso que se faz por lá. Diversos visitantes aproveitam o local para apreciar o pôr do sol, fazer um piquenique, tomar uma água de côco ou caldo de cana e tirar algumas fotos. É na beira mar que acontece a famosa virada de ano da cidade, com show de fogos à meia noite e shows nacionais durante a noite, levando uma multidão à avenida da cidade.

Existem locais próprios para estacionamento ao longo da via, os chamados “bolsões”, que são pagos durante a semana e na manhã de sábado (custando 2 reais/hora). O pagamento é antecipado e pode ser feito com os funcionários da dom parking, ou pode criar uma conta antecipadamente, cadastrar sua(s) placa(s) e colocar créditos no site.

Saiba mais: Estacionando em Floripa (Zona Azul)!

Não existe melhor horário para passear por lá. Você vai encontrar pessoas o dia todo, mas especialmente no começo da manhã e fim da tarde – horários mais frescos no verão. A noite, muitos ainda aproveitam para se exercitar e a avenida fica bem movimentada. Apenas evite passear por lá muito tarde, depois das 22h, já que o lugar fica mais vazio e pode ser perigoso. 

2 – Jardim Botânico

Recém inaugurado, o Jardim Botânico de Florianópolis ainda está em fase de construção, com apenas 1/3 de sua área total aberta ao público. Apesar disso, os florianopolitanos já aderiram em peso à nova área verde, que se tornou um lugar perfeito para levar crianças e fazer piqueniques.

Onde: Rodovia Admar Gonzaga, 890, Itacorubi, Florianópolis/SC

Quando: de quinta-feira até domingo, das 7h30min às 18h00min*

* sujeito a alteração durante a temporada de verão

Dicas:

1. Devido à legislação ambiental, animais de estimação não são permitidos no local.

2. Enquanto o parque não é concluído, o local não possui estacionamento, então é necessário parar na frente de comércios fechados ou em ruas próximas. Estacionar na Rodovia é proibido e você está sujeito à multa. 

3 – Parque Ecológico do Córrego Grande (Horto Florestal)

Um parque delicioso no meio da cidade. O Horto Florestal fica no bairro Córrego Grande, um local menos turístico, e o passeio proporciona contato com a natureza e alguns animais. O Horto ocupa uma área de 21,3 hectares, onde conta com uma infraestrutura diversificada oferecendo uma alternativa ao lazer de Florianópolis.

O local conta com 131 metros de trilha no meio à mata nativa com mais de 100 espécies de árvores identificadas! Todas as placas estão em português, espanhol, inglês e braile. Por lá também é possível encontrar mesas para piquenique, parquinho para as crianças, duas quadras poliesportivas para a comunidade, dois lagos, animais como coelhos, galinhas, tartarugas, patos… É um passeio bem gostoso de se fazer. Se você tiver sorte pode chegar a ver saguis nos galhos das árvores mas atenção: é proibido alimentá-los!

Onde: Rua João Pio Duarte Silva, 535, Córrego Grande – Florianópolis/SC 

Quando: todos os dias, das 7h00min às 19h00min

Dica

Se você estiver procurando sossego, evite os domingos de sol pois muitas famílias vão para o local com crianças e o horto fica lotado.

4 – Dunas da Joaquina

Uma das áreas mais lindas da cidade, na minha opinião. Passar algumas horas fazendo esportes nas dunas ou apenas caminhando por lá com certeza vale a visita. Tente ir até a parte de trás, onde a vista é maravilhosa. Logo em frente, você vai encontrar barraquinhas que alugam equipamentos esportivos e vendem comidas e bebidas, o que facilita passar a tarde por lá. 

Onde: Av. Pref. Acácio Garibalde São Tiago, próximo ao número 1600 (em direção à Joaquina)

Dica

Escolha um dia com pouco vento, senão o seu passeio pode ser dificultado pois areia e vento não nasceram um para o outro haha

5 – Trilha Ecológica do Rio Vermelho

Um passeio super legal e instrutivo para quem está pelo sul da ilha! Lá você encontra diversos animais silvestres resgatados que estão se recuperando, ou que não podem voltar à natureza.

Veja também o post: Trilha Ecológica do Rio Vermelho

6 – Lagoa da Conceição

A lagoa é um dos passeios clássicos da ilha. O lugar é super legal, com vários bares, restaurantes, feiras de rua e pessoas circulando. Além desses programas, você pode aproveitar os gramados da Avenida das Rendeiras para passar a tarde, pegar um sol, ler um livro, fazer stand up paddle, alugar um caiaque e etc. Fica bem pertinho das Dunas da Joaquina, então você pode unir os dois programas!